14 março, 2006

Reticências...
















Adoro-as...
Nunca tão utilizadas, as reticências servem da matemática ao pensamento
Servem para mostrar que algo é infinito
Mas também servem para fazer o leitor viajar... imaginar... e construir a própria continuação da idéia, do texto...
Servem para se deixar nas entrelinhas um pensamento, uma emoção, e até uma reação
Deixam no ar o mistério, a dúvida
E ao mesmo tempo, satisfazem o leitor
Muitas vezes, as reticências valem mais do que mil palavras....




foto de Dirceu Villa

3 comentários:

Cátia disse...

Ameiiiiiii...
Posso copiar?

Cátia disse...

Ameiiiiiii...
Posso copiar?

Cátia disse...

Ameiiiiiii...
Posso copiar?