20 março, 2006

A morte do amor















O amor morreu.
Já não lembro mais onde enterrei.
Tampouco vi o momento em que partiu.

Apenas acordei
Sentindo sua ausência

Acordei do sonho de amor
Já não lembro mais onde encontrei
Tampouco vi o momento em que nasceu

Apenas acordei
Sentindo sua presença

Dormi um sonho de amor
Que pensava não ter fim

Como sonho é sonho...
Acordei, acabou, nem percebi!

2 comentários:

Ela disse...

Ei...
Ele ressucitará ...
em breve...
em algum lugar...
situação ...ou emoção.
Torço pra ele viver!

Carol disse...

Amor é mesmo um sonho. Ou dormimos pra sempre ou acordamos de repente. Beijos e ótima semana!! : )